Piñeyro, Marcelo

Buenos Aires (Argentina), 1953

Cineasta, diretor dos dramas Tango feroz: la leyenda de Tanguito (1993) e Caballos salvajes (1995). Revelou-se com duas obras interessantes: Cenizas del paraíso (1997) e Plata quemada (2000). Com outros catorze realizadores foi um dos documentaristas do registro musical Histórias de Argentina en vivo (2001). Um novo filme foi o marcante drama político Kamchatka (2002). Outra obras: El método (2005), adaptação de texto teatral de Jordi Galcerán, Las viudas de los jueves (2009) e Ismael (2013).Em 2013, foi eleito para a vice-presidência da Confederação Internacional de Autores e Compositores (Cisac).